9 de dezembro de 2009

Minha caixa de Pandora

Sim, era ele. De mãos dadas com uma garota. Só reconheci quando ele me cumprimentou. Tentei, admito, até ficar um pouquinho magoada, mas nem isso consegui. Não fez a minima diferença vê-lo com ela, não doeu nada. E, afinal nem sei o que acontece comigo... Nunca mais me apaixonei, nunca mais suspirei por ninguém, imaginando-me ao seu lado. O coração petrificou.

Ontem fui heroína em um teatro no curso.

Ergui minhas mãos de pronto, quando a pergunta foi quem gostaria de fazer parte da equipe de super heróis da peça. Eu estava lá, me sentindo bem, com aquela capa me protegendo, a mascara que escondia o que sou por dentro. Por pouco tempo, senti que tinha forças (nem que por brincadeira) de combater algo nesta vida.
Entretanto, parece que eu abri a caixa de pandora do meu ser e, o que descobri lá dentro poderia nunca saber, pois quanto mais me conheço tenho medo de perder o controle de mim mesma.

Perdoe-me, pois ando ocupada demais para o blog, mas logo eu passo em todos os seus cantinhos, tá? ;*







9 comentários:

  1. Oi flor...

    Gostei do seu blog ;)
    Tô te seguindo, ta?

    É estranho esse negócio de não sentir nada por ninguém e ser indiferente a algo que antes mexia tanto com a gente. Mas, de certa é bom. Eu gostava.

    Vou voltar aqui sempre.

    Beijo. Kah.

    ResponderExcluir
  2. oiee amoriii!

    Não se desculpe!

    Pelo menos deu notícias!

    Espero que esteja bem!

    Um enorme beijo!

    ResponderExcluir
  3. Linda, pelo menos vc deu notícias ^^ É isto o que importa.
    É, eu também me sinto assim, com o coração petrificado incapaz de amar alguém =/ Não sei se isto é bom ou ruim...
    Cuide-se princesa ^^





    Kisses, Roxy. ♥

    ResponderExcluir
  4. linda pelo menos vc deu notícias, não se desculpe, espero que esteja bem. tem selinho pra vc !!!
    bjs flor

    ResponderExcluir
  5. de vez enquando me sinto confusa em relação a alguns sentimentos mais daí a nao sentir por ninguem nada nao sei o que é isso eu amo meu namorado e nunca me vi sozinha
    nao consigo
    me adapta a solidão
    beijos pra vc

    ResponderExcluir
  6. ah que bom que postou amiga .___.
    é dificil esse sentimento (ou a falta dele),
    muio linda suas palavras!
    talvez essa seja a ultima vez que venho aqui esse ano, então queria lhe desejar um feliz Natal e um próspero Ano Novo, que o Papai Noel deixe sua meia bem gordinha de presentes *-*
    Até 2010,,
    Beijoos :*

    ResponderExcluir
  7. sabe de uma coisa...

    melhor para vc que não doeu nada de ver ele com outra...
    Eu ja sofri muito por ver tais cenas e é pessimo... realmente parece que o coração se parte dentro do peito.

    melhor para vc querida
    beijos te cuida

    ResponderExcluir
  8. Linda por vezes é bom não nos apaixonarmos, estarmos agarradas ao chão e sabermos identificar isso como uma fase, ela passa, haverá tempos que suspiras de amor e que ele seja correspondido...
    e a dieta? como anda?
    baci*

    ResponderExcluir
  9. Oi minha linda tem selinho pra vx lah no blog viu...bjo bjo

    ResponderExcluir