9 de fevereiro de 2010

The fear...



"Eu não sei mais o que é certo nem o que é real
Eu não sei mais como eu devo me sentir
Quando você acha que tudo vai se esclarecer?
É porque estou sendo tomada pelo medo

A vida é sobre estrelas de cinema e menos sobre mães
É tudo sobre carrões e falar mal do outro
Mas isso não importa porque estou embrulhada com plástico
É isso o que faz minha vida ser tão fodamente fantástica
Eu sou uma arma de destruição em massa
E isso não é minha culpa, é como eu fui programada.
Olharei para o sol e olharei no espelho
Esqueça sobre armas e esqueça sobre munição
Pois estou matando a todos com minha pequena própria missão

Agora tudo vai ficar legal, desde que eu fique mais magra..."(The fear- Lilly Alen)


------------------------------------------------------------------------

As crianças choram. Muitas delas se espalham pelo pátio da creche. É, até aquele momento eu ainda não tinha me dado conta de que as férias haviam acabado. E com ela o meu controle, tanto na ansiedade como no estresse. Era hora de rever as colegas de trabalho, algumas comentando para as outras que viajaram, ou que engordaram. O comentário que tanto me tráz medo não veio, enfim. Ninguém olhou para mim e disse: _ você deu uma engordadinha, né?
Ontem tive de assistir a minha irmã e minha prima comerem seus cachorros quentes, enquanto eu me entupia de coca zero. Então me lembrei do comentário de uma colega do curso, foi mais ou menos assim: _ É ruim, você ver os outros comerem sem preocupação quanto ao peso, e você ter de ficar se restringindo ao máximo.
Sei o que ela quis dizer.
Planejei um nf. Uma mulher apareceu vendendo cuca. Preciso dizer que tudo foi pro ar? Na volta para casa: O onibus cheio, aquela tentação ao meu alcançe, bem ali dentro da minha bolsa. O calor. As ruas movimentadas. Pessoas indo e vindo. Toquei o ziper. Abri. Com a mão. Os pedaços foram se desfazendo na minha boca. "comer é prazeroso" minha professora de nutrição disse, e isso ecoava na minha mente, como uma voz.
Fazia tempo que eu não sentia vontade, como senti de despejar aquilo tudo e ver a descarga levar...




14 comentários:

  1. Obrigada fofinha!
    Uma boa semana. Boa sorte nos planos de nf e lf.
    Baci*

    ResponderExcluir
  2. esta triste...
    estamos tristes...

    Melhoras

    ResponderExcluir
  3. Sim, tb apenas algumas musicas.
    Bom carnaval (já queria esquecer)---'
    baci*

    ResponderExcluir
  4. Aqui não existe grande tradição, além disso estou gorda e sem vontade de me mascarar.
    *

    ResponderExcluir
  5. Fica bem querida.
    Boa sorte no prox nf.
    bjuss

    ResponderExcluir
  6. nossa deu trabalho seu blog hj p mim escrever nele rsrsrsr
    bem sobre a frase pode usar sim de boa.há n se preocupe fique a vondade p comer vc é magrinha i uns kil.inhos a + nem vai dar p ver.vc é uma boa pessoa é isso q importa aquilo q somos por dentro. bjs t+

    ResponderExcluir
  7. Oiee..eh eu entendo essa sua amiga tbm.. que droga neh enquanto uns nao se preocupam(e sao magros de ruim) eu nao como muitas coisas p elimina 1g >.<..mas eu fico pensando nisso p me anima..
    o gosto da comida eh maravilhoso..mas nao eh nd comparado ao que eu vou ter quando estiver magra!!
    isso me faz nao comer varias coisas.. isso fica direto na minha cabeça..
    força amiga!!
    ;*

    ResponderExcluir
  8. ''comer é prazeroso'', quando eu escuto isto eu tenho vontade de sair correndo.

    ResponderExcluir
  9. Vc é que escreve maravilhosamente bem ^^adorei!

    Quanto a emagrecer (queria tanto isso)*

    ResponderExcluir
  10. Vc trabalhar com crianças! É educadora?!
    Primeiro dia de creche sempre é um "inferninho"!!
    Eu sei bem o que é isso! Nusss!!!

    Sim é triste, ver alguém do seu lado comendo de tudo enquanto vc ficar a morrer de medo de pular emcima!!!

    Bom carnavalpra ti amorii!!

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  11. *----* oun.

    obrigada pelas palavras flor! ♥

    eu tava passando mesmo por um momento mui dificil , achava inclusive que a depressão estava a me alcançar.
    Mas eu estou melhor. muito obrigaada pelas palavras! eu nunca mais havia postado la pelo blog. e Hoje me senti animada a escrever
    *-*

    beijos mil florzinha linda ♥

    ResponderExcluir
  12. Oi meu amor espero que esteja bem, obrigada sempre por seu carinho, eu acho que vc fez certo em comer sua cuca quando teve vontade isso com certeza te ajudou a não surtar e cair em compulsão, tenho certeza que vc vai tirar isso de letra é muito especial, sabe disso, super beijo e fique bem, vc já é uma vencedora.

    ResponderExcluir
  13. anima-te menina, isso que comeste hoje (já agora o que é uma cuca? xD) de certeza que não te faz mal, desde que seja assim de vez em quando. agora continuas de cabeça erguida, e eu sei!!! Eu sei como custa ver os outros a comer e nós quase a babar-nos para cima da comida deles com a vontade que temos de comer também. Eu passo por isso TODOS os dias, ao ver as minhas colegas a comer lanches, pizas, cachorros, croissant... TODOS OS DIAS :s. MAs aguento porque, é tão bom comer, ninguém duvida disso, mas melhor ainda é ser magra. E disso ninguém duvida mesmo!
    bj :)

    ResponderExcluir