28 de abril de 2010

No jardim de infância...



"Tudo o que hoje preciso realmente saber,
sobre como viver,
o que fazer e como ser,
eu aprendi no jardim de infância.
A sabedoria não se encontrava no topo de um curso de pós-graduação,
mas no montinho de areia da escola de todo dia."
(Pedro Bial)
----------------------------------------------------------------------
Não sei se vou encontrar maior inocência do que vi no olhar de uma criança. Elas não escondem seus sentimentos, suas lágrimas e suas dores, felizmente ainda a vida não ensina tão cedo, o ato de se isolar, ser auto suficiente, e a fingir... Seus abraços pequenos, não precisavam ser implorados ou seus sorrisos encantadores comprados, demonstram o afeto, o contato com o outro ( e este já se perdeu a tempos entre os adultos), real necessidade e até suas fraquezas.
Manter minha postura diante de uma delas me dando uma flor - provavelmente roubada do jardim da sua mãe - logo cedo pela manhã, ainda que eu tivesse acordado com o pé esquerdo, quebrava qualquer possibilidade de forjar alegria, era instantaneo, como elas são. Quando encarava aquele olhar triste, depois de ver sua mamãe indo embora, ou sua alegria em riscar o chão com giz de cera, não consigo entender porque desejamos tanto crescer.
Lá se vão mais de quinze meses de trabalho numa creche, mais um capitulo da minha história encerrado. Sentir falta eu vou, porém não é fácil ser professor, não é fácil...! E nem sei que parte de mim deixei à elas, se foi eu que aprendi muito.
Mudando de assunto... Estou na dieta das notas, o meu limite são 250 notas, o que equivale até 500 calorias, baseado na tabela de alimentos que rasguei de uma revista.

11 comentários:

  1. As crianças... São fascinantes mesmo, não é? Pena que elas crescem, e tem que se deparar com esse mundo difícil que é esse nosso.
    Beijão, flor. Amei a imagem!

    ResponderExcluir
  2. que lindo aqui!
    já estou seguindo :D
    beiijo

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que texto lindo... Você realmente escreve muito bem, viu?

    É, trabalhar com crianças é ótimo... Trabalhei durante um tempo com crianças especiais e me fez absurdamente bem...

    Boa sorte com a sua dieta, se funcionar você avisa? rs...

    Beijinhos ***:

    ResponderExcluir
  4. Vc trabalha em creche?
    Que fascinante, flor, eu trabalhei em creche pretendo voltar pra lá.
    Crianças, unicos seres sinceros do universo...

    Bjão

    ResponderExcluir
  5. E pq vc deixou de trabalhar com as crianças? É uma sensação muito boa receber uma flor de uma criança.

    Bom desempenho na dieta

    :**

    ResponderExcluir
  6. As crianças são puras e verdadeiras e as que não são, não são por culpa nossa que as abandonamos.
    Trabalhar com criança é mesmo algo ótimo e gratificante ,parabéns!
    Que de certo a dieta dos pontos.. boa sorte!!!
    FORÇAA,se cuida =**

    ResponderExcluir
  7. Linda... crianças são puras... são lindas, são especiais... eu que o diga, minha filha de 2 anos me ensina mais e mais a cada minuto que passo ao seu lado... força na sua dieta estarei aqui torcendo por vc... coloquei um selinhu pra te motivar no meu... bjusssss

    ResponderExcluir
  8. Ah amor.!
    Crianças são maravilhosas;!
    Elas são tão simples, sinceras...

    Te desejo muita sorte na dieta, princesa =)
    Você conseguirá segui-la perfeitamente \O/

    Tenha um belo restinho de semana e uma ótima noite.!



    Kisses, Roxy. ♥

    ResponderExcluir
  9. Hoje eu não estou muito boa para falar de crianças não.rs

    Mas entendo sua despedida...

    Guarde as boas lembranças em seu coração!!

    beijos

    ResponderExcluir
  10. Amor,
    vc escreve tão bem!
    ah e olha não fica triste não!
    coisas maiores e melhores virão ok?
    ahh e boa sorte na nova dieta =)
    bjs e força!

    ResponderExcluir
  11. o que me resta a perguntar é
    o que decharemos de legado para eles?
    será que seu futuro sera como o nosso?
    o q fabricamos lixo ou fututro?



    olá tem um texto meu no blog q acho q vc ainda n viu
    chama se solidão
    bjs ate +

    ResponderExcluir