26 de outubro de 2011

Uma carta.


"O preço da excelência é a disciplina.
O custo da mediocridade é a decepção."
William Arthur Ward
---------------------------------------

Querida Fada,
Não sei com quantos anos estarei, quando você estiver lendo esta carta. Tenho dezenove agora. E o ano é 2007.

Ainda estou trabalhando naquela lan house, só que apenas nos finais de semana. Depois do expediente, às vezes tenho ido na igreja.

Se lembra do meu meio-irmão? Pois é, meu pai conseguiu com que ele saísse de casa e fosse morar com uma tia. Éramos seis, agora somos cinco. Realmente não sei qual era a encrenca deles, mas minha madrasta não defendeu o filho, o deixou ir. Antes que reclame, te falo da minha irmã, é... ela ainda não quer estudar.

Te contei que tenho achado que a minha mãe vai morrer? Estou visitando ela mais vezes, vigiando o que tem comido, contando as bitucas de cigarro - para depois constatar infelizmente que, são dois maços por dia. Ouvimos "Sweet Child o mine" dos Guns n' Roses e dançamos como adolescentes, ela parece uma! Usa shortinhos curtos desfiados, um longo cabelo cigano cacheado, pulseiras e coletes. Por fim, chega bêbada em casa, tropeçando nos pés, coloco seu braço no meu ombro e paramos na cama, ela rindo de tudo, magrinha.

Ah, eu fiz o Enem!!! Não vejo a hora do resultado sair logo, pois já roí todas as minhas unhas. Fiquei curiosa, para saber se daqui quatro anos, eu já estou no final do curso de psicologia, se esse ainda é o nosso sonho. Estamos morando aonde? Tentou publicar aqueles nossos manuscritos?

Agora, se no papel respingar lágrimas, saberei que atolamos na mediocridade e, que você se viciou no fracasso, virou amante da dor. Tachou tudo aquilo que acreditamos de impossível. O que a versão atual de mim, fez comigo? Me responda, eu preciso saber.


Beijos, Fada. 


17 comentários:

  1. Linda! Amei a carta!
    Sinto saudades das que eu escrevia..
    :)
    Fica bem, e terás se saído bem no ENEM!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Nossa, queria muito fazer algo do tipo, mas tenho tanto medo do futuro, sabe, eu gosto das coisas como estão, não suportaria se elas mudasse, a não ser que fosse pra melhor. Adorei a carta, você escreve tão bem!

    ResponderExcluir
  3. o futuro é tão incerto..
    adorei a carta, quase chorei ><

    ResponderExcluir
  4. Ah, como gostei disso guria!!!

    Tenho rascunhado um texto nesses moldes, só que é uma carta minha pra mim (rs), pra quem eu era há 10 anos.

    Faz tempo que tento concluir mas ainda não achei o tom que quero usar.

    Excelente, eu adorei.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  5. amei a carta,suas frases são tão sinceras, olha onde vc acha tanta frase bonita,bjo

    ResponderExcluir
  6. Não sabia que estavas no curso de psicologia! Sempre quis ir para esse curso. Sempre quis ser psicóloga :)
    Eu estou em enfermagem e também estou a gostar muito :)
    Sorte para ti!
    E, mais uma vez, lindo texto. Linda carta. Beijinhoo
    Filipa*

    ResponderExcluir
  7. Amei esta carta linda *- Tomara que você não tenha manchado o papel com suas lágrimas e todos os seus sonhos estejam sendo realizados no momento... Beijos e se cuida!

    ResponderExcluir
  8. "O que a versão atual de mim, fez comigo?"

    Minha versão antiga também deve estar se perguntando...

    Me fez refletir, florzinha! Amei ♥

    Beijinho :*
    http://penso--logo-escrevo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Nossa amiga,axei seu post bem tristinho...
    Te desejo sorte ai em tudo ok e pra sua mamis tb!
    bjinhos light e força sempre

    ResponderExcluir
  10. Linda carta, escrever pra si mesma é uma ótima idéia.
    "O que a versão atual de mim, fez comigo?"
    É uma ótima pergunta também...

    E não te esqueças:
    "Mais vale a lágrima da derrota, do que a vergonha de não ter lutado"
    Você tem lutado, Fada, suas lágrimas não serão em vão.

    Küss

    ResponderExcluir
  11. Vai passar no enem sim. Ah, chore até secar. Depois que tudo passa se achará a resposta de você mesma. Pelo menos em parte. Porque a gente nunca se conhece 100%.

    ResponderExcluir
  12. sempre quiz algo do tipo , muito linda a carta, bjnhoss da bonecca

    ResponderExcluir
  13. Olááá, pela primeira vez venho por aqui...
    Admirada pelas sinceras palavras de introspecção.
    E lhe deixo um convite: Também me visite.
    *.*
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Gostei muito do seu blog, Fada.
    E essa carta então, ela me encheu os olhos...
    Um beijo

    ResponderExcluir
  15. Maravilhoso o texto, já li coisas que escrevi anteriormente, e normalmente as lágrimas retornam como na data do escrito.
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Mais um dos teus textos que me deixa sem palavras... Porque é tão "nós"...

    Abraços!

    ResponderExcluir