5 de dezembro de 2011

Orgulho sepultou


E foi doendo por dentro, sabe? Enquanto minha irmã foi me falando sobre ele, assumindo que ainda o amava mesmo estando com outro e, culpando o orgulho, o orgulho de ambos. Pedindo para mim se colocar no seu lugar. Eu não a julgo por logo em seguida ao término já se envolver novamente, como poderia medir a dor dela? Mas, o que a boca não falou o orgulho sepultou. 

Depois, minha mãe me ligou. Dizendo que se sentia sozinha, achando que estava depressiva, dando razão ao que minha irmã falou sobre ela estar mal cuidada, andando maltrapilha inclusive em casa. Senti raiva, em seguida compaixão. Antes achava vantajoso viver à superfície dos sentimentos, pois isso garantia certo controle. Sinal que eu sinto desmedidamente. Porque meu coração  não é desses equipados com meio-termo, nele reside o extremismo. 

Meu final de semana foi maravilhoso, estou muito feliz! 
Na sexta fui ao Festival de teatro de objeto, diferente de tudo que já vi.
No sábado, além de ir ao centro pela manhã com minha mãe e irmãs, a tarde participei da pré seleção para o curso de Palhamédicos da Santa Casa,  indo por fim com meu namorado ao Stand Up do Danilo Gentili, do qual rimos demais. 
Enquanto no domingo, permaneci em casa durante o dia, ora dormindo, ora na rede, com um tédio imenso. Então ele me levou para jogar video game na sua casa, me salvando novamente.  



5 comentários:

  1. oie flor olha sei que o amor é algo tão complicado sua irmã tem razão,quanto a sua mãe, depre é triste espeo que entenda ela

    ResponderExcluir
  2. Eu ando farta de sofrer por mim e pelos outros, sabe?

    =\

    Beijos, que bom que te divertiu!

    ResponderExcluir
  3. Não há coisa melhor no mundo do que saber que temos alguém pra nos salvar no fim do dia, não é mesmo? >.<"

    Tenha uma ótima semana, florzinha! Com muitos desses salvamentos :P

    beijinho
    http://penso--logo-escrevo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. oi no começo de seu texto ele pareceu que ia ficar um pouco triste...
    mas no final foi ao contrario...
    que bom que tudo está dando certo
    bjs

    ResponderExcluir
  5. No dia em que eu entrar aqui e não me ler em um dado momento do teu texto choverão pétalas de rosas brancas com gotas de cristal.

    "Porque meu coração não é desses equipados com meio-termo, nele reside o extremismo. "

    É, sei bem como é isso. Tudo demais. Risos demais, lágrimas demais

    ResponderExcluir