26 de abril de 2012

Montanha russa

Uma. Duas batidas com a colher e a casca se partiu despejando todo seu conteúdo dentro da panela quente à minha frente. O ar da cozinha se encheu com o cheiro de fritura e gás, porque ela não conseguia acender outra boca do fogão com aquele isqueiro vermelho, enquanto minha irmã enxaguava o mesmo copo várias vezes, tanto que irritada pedi que parasse com aquilo. Elas falavam comigo, mas eu não conseguia distinguir sequer uma palavra. Servi meu prato e fui sentar na sala. Junta a comida no garfo, ergue, enfia na boca, fecha e mastiga, junta a comida no garfo, ergue, enfia na boca e mastiga... 

Olho para a TV, mas não assisto. “... Então, sabe por que a blusa dele ficou aqui?” – minha irmã pergunta entusiasmada, sentada ao meu lado no sofá e sem tirar os olhos do celular – “Nós dois tomamos a maior chuva...”. Até aí eu tentei ouvir, depois levantei, lavei o prato e os talheres, escovei os dentes e fui deitar. Eram nove horas, fazia muito calor, minha avó abriu a porta para avisar que deixaria a roupa passada na cadeira, nem sei se agradeci. Perdi a noção de quanto tempo fiquei olhando para o teto do meu quarto, sem chorar. 



Horas antes, fomos ao cinema. E é tão bom assistir um filminho com ele, deitada no seu peito, ouvindo as batidas do seu coração, uma a uma me distraindo, sendo a minha canção. Havia aceitado ir com uma condição: devolver-lhe posteriormente o valor do ingresso. Pois, não sou do tipo que acha que o homem tenha de bancar sempre. Gosto da independência que o meu dinheiro me traz. Então no momento de pagar o estacionamento, faltou um trocado, como eu não tinha ele precisou sacar.

No carro. A caminho de casa, ele segurou a minha mão, olhou nos meus olhos e disse “Você promete se formar, vou precisar de ajuda...”. Foi a partir daí que a dor crua e aguda, continuou a brincar comigo de montanha russa.

15 comentários:

  1. mudou tudo .. tem tempo que naum venho aki .. ou vc tava parando de postar... tava sumida .. obrigada pela visita .. espero que esteja bem .. beijos

    ResponderExcluir
  2. Vihh, sempre que leio os teus textos, acabo por entrar nas situações que descreves, pela maneira tão expressiva como escreves.
    De tudo o que li...a ideia que eu fiquei e que parece-me estar implicita no texto, é que estás a sofrer. Mas estás a sofrer em silêncio. Ao mesmo tempo, sinto-te apática, indeferente, ao ponto de estares entre situações e não te dares de conta, ou então não dares pelo tempo passar. Não estará na altura de lançar palavras cá para fora?
    Beijo*
    Filipa*

    ResponderExcluir
  3. Flor... não deveria continuar com toda essa dor dentro de si... Isso vai deixando as coisas amargas dentro de nós e depois fora de nós acaba ficando triste...
    Eu gosto do jeito que vc escreve, é muito bom, nos passa o que vc quer dizer de uma forma bem expressiva..

    Beijos e espero que tudo fique bem.

    ResponderExcluir
  4. Sabe as vezes acho que você carrega um peso enorme sobre suas costas,um peso que você não devia carregar sozinha,mas sei que a vida não é fácil e as vezes vivemos situações das quais não tem como fugir,muitas vezes temos que ser adultas demais,quando o que mais queremos é voltar a ser criança,ter alguém que cuida de nós.Enfim...guardar essa tristeza pra você não é bom,
    Beijo e boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MEU BLOG: http://mulherdosdezeseisblog.blogspot.com/

      CURTIR AI: http://www.facebook.com/MulherDosDezesseis
      =**

      Excluir
  5. Quanto mais o amargo carrega em si, mais a vida se torna amarga. Tente ficar mais leve, mais sabedora da tua luz, do teu valor, da beleza que há no teu íntimo. Verás que há muito pra sorrir. Tens um coração cheio. Cheio de maravilhas... Mas não vês.

    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MEU BLOG: http://mulherdosdezeseisblog.blogspot.com/

      CURTIR AI: http://www.facebook.com/MulherDosDezesseis
      =**

      Excluir
  6. Querida, como lamento o pouco tempo que tenho para ler os poetas que tão qualitativamente meu coração selecionou... Você é de uma sensibilidade que chega a doer em mim...Cada vez que venho, me detenho por horas, matando a minha fome de lindas palavras e reflexões... Perfeita você, perfeito tudo, aqui... Beijos querida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MEU BLOG: http://mulherdosdezeseisblog.blogspot.com/

      CURTIR AI: http://www.facebook.com/MulherDosDezesseis
      =**

      Excluir
  7. Temos uma grande missão nesta vida.
    Espero que você encontre a sua.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  8. MEU BLOG: http://mulherdosdezeseisblog.blogspot.com/

    CURTIR AI: http://www.facebook.com/MulherDosDezesseis
    =**

    obg, amei seu blog, ja to seguindo s2

    ResponderExcluir
  9. Nossa eu realmente realmente mesmo ameeeei como vc escreve...a sua descrição ...eu tinha que falar *--*
    estou seguindo vc flor se puder seguir meu blog irei ficar muito feliz:
    http://apenasfleur.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Querida, estou tentando não desistir de mim, obrigada pelo apoio.

    ResponderExcluir
  11. Amo muito ler seus textos, vc escreve muito bem. As coisas nem sempre são fáceis, tornando as coisas automáticas, seu sofrimento parece enorme, mas não desanime, tudo pode melhorar só depende de vc. E como vc é guerreira sei que vai mudar essa situação rapidinho. Conte comigo, seja forte, beijos.

    ResponderExcluir