4 de maio de 2012

Punição

"Você tem medo, porque você vê que tem tanta lágrima por dentro, escondida, calada, tímida e um dia chuvoso e frio é tão pouco comparado a tudo que você esconde atrás de um rosto discretamente limpo e doce."

Cah Morandi




Acabei de roer uma unha até ela sangrar e ficar ardendo. Às vezes preciso de certa dose de dor física para aliviar o que dói por dentro, não é sempre, mas costuma funcionar. Outra forma de punição é pensar demais nas pessoas, ah! – você pode dizer: Isso é bondade. Não, esse é o meu jeito de me esquecer, abandonar o barco e assisti-lo a naufragar. Fica tão nítido no meu rosto quando tudo transborda e eu só sei derramar... 

E você, qual a sua maneira de se castigar? 



6 comentários:

  1. ahhh não foi!!
    Eu costumo limpar as coisas até mihas mãe ficarem machucasa... morder-em e puxar alguns fios de cabelo.

    Coisas normais, para mim!
    É um castigo sem perceber!

    Espero que sua faze passe!

    Beijos!
    DDD*

    ResponderExcluir
  2. Tenho a tendência doentia de achar que não mereço coisas boas que acontecem ou podem vir a acontecer comigo,então vivo me auto sabotando sabe.Tirando minhas chances de ser feliz essa é a maneira como costumo me punir :(

    ResponderExcluir
  3. Ultimamente tenho tentado ficar longe da auto-mutilação ou qualquer tipo de punição, luto com o cutting a 2 anos e sei que se eu fizer só um corte tudo já desencadeia novamente e eu não quero...
    Continue firme.
    Bjjs :**

    ResponderExcluir
  4. Acho que uma forma de me castigar é ficar solitário, pensando na vida. É algo sutil, mas é um ato que reordena minhas peças...
    Dói sabe, mas revitaliza. É o momento em que me encontro.

    Te cuida! Beijo!

    ResponderExcluir