18 de março de 2013

Dia 1.


              No primeiro dia sem você, o sol resolveu não aparecer e agora caí uma chuva fina que me convida a ir deitar na minha cama. Tento me esvaziar desta vontade louca de ter ido, fazer este estágio, incrementar o meu currículo, ficar uma semana fora daqui. Só queria explicar que toda a implicância e o nervosismo, talvez fosse meramente inveja. Sentimento feio de se assumir, eu admito, vergonha de mim. Não, não é e nem foi ciúmes de você, mas sim da oportunidade em si. As pessoas falam: E se você tivesse sido escolhida? E o seu serviço? Talvez fosse melhor nem ter me inscrito. É... Realmente eu não poderia ir. Não tenho ninguém que pudesse me dar cobertura, retaguarda está vazia.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário